domingo, 31 de dezembro de 2017

Saiba quais são os primeiros e últimos lugares a celebrar 2018

Saiba quais são os primeiros e últimos lugares a celebrar 2018
Com um fuso de diferença de 16 horas a mais que Brasília, já é 2018 na pequena ilha de Kiritimati (ou Christmas Island), na República de Kiribati, o primeiro lugar povoado do planeta a celebrar a entrada no novo ano. Segundo informações da Época, na ilha situada no meio do Pacífico -a 3,2 mil quilômetros a leste da capital, Tarawa - cerca de seis mil habitantes já comemoraram a virada pertinho da Linha Internacional da Data (LID), linha imaginária traçada em 1884 para simbolizar a mudança de dia. A primeira metrópole a comemorar o novo ano foi Auckland, na Nova Zelândia, uma hora depois de Kiritimati - ou seja, 15 horas de fuso a mais que a capital do Brasil. Na cidade, moradores e turistas costumam celebrar a passagem de ano com show de fogos de artifício na Sky Tower.A última festa pela chegada do novo ano será na Samoa Americana, território no Pacífico que pertence aos Estados Unidos. Por lá, as comemorações acontecem nove horas depois do fuso da capital do Brasil. Situada a 200 quilômetros da Samoa Americana, a outra Samoa resolveu se aproximar dos fusos da Austrália e Nova Zelândia, seus grandes parceiros comerciais, e comemorou a virada para 2018 junto com Kiritimati.Tal novidade foi adotada pelo país há cerca de seis anos, quando em 2011 resolveu "pular" o dia 30 de dezembro, deixando de estar 21 horas atrás de Sydney para ficar três horas à frente da cidade mais populosa da Austrália e Oceania.

Nenhum comentário:

Postar um comentário