quarta-feira, 14 de março de 2018

Vereadores acusam prefeito de Itatim de ameaçá-los com arma durante vistoria

Dois vereadores de Itatim acusam o prefeito Gilmar Tingão (PSB) de ameaçá-los com uma arma durante uma inspeção à escola Geraldo Pereira Nogueira na manhã quarta (14). O presidente da Câmara, Nadson Andrade (PTB), e José Machado (PMDB) estariam apurando a denúncia de estudantes quando foram abordados pelo prefeito.

“Os alunos denunciaram que a merenda estava com péssima qualidade e que as fossas estavam cheias. Quando estávamos conversando com a diretora da escola, o prefeito chegou agitado com uma arma e ameaçou dar um tiro na cara dos vereadores”, denunciou Nadson Andrade, em entrevista ao Bahia Notícias nesta quarta-feira (14).

Segundo o gestor da Câmara, os cerca de 600 alunos da unidade escolar começaram a correr e, além da ameaça, Tingão teria dado “tapas no rosto dos dois vereadores”. De acordo com o vereador, a promotoria local recomendou que fosse feito um exame de corpo delito, o que deve acontecer em Itaberaba, onde fica a sede do Departamento de Polícia Técnica – os vereadores apresentaram ao Bahia Notícias as guias para a realização do exame.

Tingão é ex-delegado do município e o episódio denunciado pelos vereadores aconteceu na escola que homenageia o pai do prefeito. Os dois vereadores faziam parte da base aliada de Tingão, porém romperam após “farra” da prefeitura com recursos destinados a um evento de jiu-jitsu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário