sexta-feira, 13 de abril de 2018

Luan nega ter agredido jovem de S. A. de Jesus e diz que tudo não passa de sensacionalismo: “Estas acusações dela foram por ciúmes”

Ao Voz da Bahia, Luan nega ter agredido jovem de S. A. de Jesus e diz que tudo não passa de sensacionalismo: “Estas acusações dela foram por ciúmes”

Na foto acima, a jovem Victória Fonseca  / Reprodução - Facebook
Após a estudante Victória Fonseca Santos, postar em suas redes sociais fotos do seu rosto machucado e alegar ter sido agredida pelo seu ex-namorado em Santo Antônio de Jesus, afirmando que ele não aceitava o fim do relacionamento (saiba mais, clique aqui). O acusado Luan Sacramento do Vale, conhecido “Fuen”, declarou em entrevista ao Voz da Bahia que as afirmações da jovem são incertas e que tem provas contra sua acusação. Segundo Luan, o mesmo está sendo perseguido após divulgarem fotos do seu local de trabalho e de sua família em meio as acusações falsas, “estou tomando minhas providencias dentro dos tramites legais e entre meus advogados. Tenho provas, prints de conversas, áudios e testemunhas, perante a justiça vou provar o que houve realmente. Eu acho que é uma forma precipitada de chamar atenção, é uma forma de querer se aparecer e denegrir minha imagem. Ela está postando fotos do meu filho de 4 anos que está em tratamento de leucemia, expondo toda minha família e a mim. Eu tenho 28 anos e nunca tive passagem pela polícia, mas creio que foi um grande sensacionalismo da parte dela, com uma forma infeliz de resolver as coisas. Isso para mim é não é justiça, pois eu não tive forma de me defender, são pessoas vazias que postam essas coisas. Estou sendo ameaçado de morte e tenho todas as provas guardadas, mas não é do meu feitio expor as pessoas, vou entrar na justiça”, falou.
Luan afirma que não agrediu Victória: Mesmo tendo realizado o exame de corpo delito e com fotos do rosto machucado da jovem Victória Fonseca, Luan afirma que não foi o responsável. O acusado afirmou ainda, que a jovem está tomando essas atitudes por ciúmes, após o mesmo ter entrado em outro relacionamento, “eu tenho provas e fotos do dia, mas infelizmente não posso estar divulgando nem falando, pois, meus advogados preferem meu silencio. Mas de antemão, eu digo que tudo não passa de um sensacionalismo, eu nem tive a chance dar meu depoimento e por isto não posso falar certas coisas antes de me justificar. Eu creio que ela fez estas acusações por ciúmes, por eu ter entrado em outro relacionamento, eu namorei com ela durante dois anos, mas depois que ela postou tudo nas redes sociais, não entrei em contato com ela ainda. Eu não posso dizer nada por ela, espero que Victoria continue com seu processo, pois eu também vou fazer minha parte”, declarou.
Ameaças de morte: Ainda ao Voz da Bahia, Luan disse que continua sua vida na mesma rotina, entretanto, constantemente tem recebidos ameaças e sendo difamado, “falaram que iam me bater e até me matar. Foi para o trabalho e falaram que eu estava fugindo da polícia. Eu continuo minha vida, trabalhando, malhando e fazendo música, nunca tive passagem pela polícia e nunca fiz mal a ninguém, mas infelizmente, quem tem boca fala o que quer”, falou. O acusado voltou a reafirmar que não foi o responsável pelas marcas no rosto de Victória, mas não pode dar detalhes sobre o caso, “não! Eu sinceramente eu não posso afirmar, mas também acho que ela não inventou essas marcas. Eu prefiro responder conforme a justiça, não quero acusar, nem dizer que ela inventou ou deixou de inventar. Não quero fazer isso, pois estarei me comparando a ela. Não quero julgá-la, quero resolver essa situação conforme a lei”, concluiu.
Reportagem: Voz da Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário