Conheça 4 tipos de agrião, seus benefícios e particularidades

 



Pertencente ao grupo das folhas verde-escuras, o agrião é um vegetal rico em ferro, cálcio, ácido fólico (vitamina B9), vitaminas A, C e compostos polifenóis importantes para a imunidade. O que muita gente não sabe é que essa hortaliça pode ser encontrada em diferentes versões – que se diferenciam principalmente quanto à forma de cultivo, ao sabor (que pode ser mais suave ou picante, por exemplo) e tipo das folhas. Quer conhecer melhor as variedades desse vegetal? Listamos 4 tipos de agrião que você pode incluir no cardápio diário. Dá uma conferida!

Quais os principais tipos de agrião?

Embora existam diferentes tipos de agrião, é importante destacar que eles não são tão distintos em termos nutricionais. Todos fornecem uma quantidade semelhante de fibras, vitaminas e minerais. As principais diferenças ficam por conta do modo de cultivo, que tende a influenciar na textura, formato e sabor das folhas. Confira os principais tipos desse vegetal:

Thank you for watching

1. Agrião-da-terra tem sabor agradável, um pouco amargo

Também chamado de erva-de-santa-bárbara, o agrião-da-terra (Barbarea verna) é bem resistente, tem caules mais finos e folhas um pouco largas de cor verde-escura. Esse tipo de agrião pode ser cultivado diretamente no solo, em vasos ou jardineiras, preferencialmente durante o outono ou inverno (pois cresce melhor em climas menos quentes). Ele tem um sabor agradável, levemente amargo, e pode ser consumido cru – em saladas, omeletes, smoothies – ou então refogado com temperos.

2. Agrião-da-água tem folhas mais largas e sabor mais picante

O agrião-da-água (Nasturtium officinale) pode ser cultivado em solos encharcados, sendo considerado uma planta semiaquática. Assim como o agrião-da-terra, ele se destaca por ter um alto teor de nutrientes – em especial, de vitamina C, fibras e ácido fólico – e pode ser consumido tanto cru quanto refogado em diferentes receitas. Esse tipo de agrião tem as folhas um pouco mais arredondadas, largas, textura mais lisa e sabor mais picante. Vale a pena experimentar!

3. Agrião-da-horta tem folhas menores e mais crespas

Bem resistente e saboroso, o agrião-da-horta (Lepidium sativum) é bem fácil de cultivar em casa e também fornece uma série de nutrientes – vitaminas, minerais e pigmentos antioxidantes. Ele se diferencia por ter um caule mais longo, esbranquiçado, e folhas menores e levemente crespas (em um tom de verde mais claro). Ele tem um sabor bem forte, picante e, assim como os outros tipos de agrião, pode ser consumido tanto cru quanto refogado em diferentes receitas.

4. Agrião coreano (minari) é bem semelhante à salsinha

Originário do leste asiático, o minari (ou agrião coreano) é a única planta do gênero Oenanthe considerada comestível. Ele se assemelha bastante com a nossa salsinha e, por conta disso, também recebe o nome de salsa japonesa. Ele costuma ser consumido refogado em saladas, sopas e pode ser aproveitado de forma integral – desde as folhas até os brotos e raízes. Que tal experimentar receitas asiáticas com esse ingrediente?

Obs.: Existe também o agrião-do-méxico – mais conhecido como capuchinha, que se destaca por ser uma PANC rica em minerais, vitaminas e propriedades medicinais. No entanto, esse vegetal não é um agrião – recebeu esse nome apenas por ter um sabor semelhante à hortaliça. (Conquiste sua Vida)

Comentários