quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Síndrome das unhas frágeis afeta 2 em cada 10 pessoas; como cuidar e tratar?

De cada dez pessoas, duas sofrem com a síndrome das unhas frágeis. Elas descamam, quebram e até caem por qualquer coisa. A médica do departamento de unhas da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Robertha Nakamura, explicou no programa Bem Estar desta quarta-feira (18), porque isso acontece.

A dermatologista e consultora Márcia Purceli mostrou os segredos para fortalecer as unhas: alimentação. A síndrome é caracterizada por estrias, descamação e fissuras da unha. Isso ocorre porque a fábrica que produz as unhas não está funcionando direito. Isso pode acontecer por causa da falta de vitaminas e minerais.

Ou também por ter sido lesionada por procedimentos, hábito de roer unhas, traumas e doenças. São inimigos das unhas:- Trabalho pesado em casa sem proteção de luvas; - Menopausa. Durante essa fase a queda na produção de hormônios leva também a uma queda da distribuição de água para o corpo; - Hipotireoidismo; - Falta de ferro e vitamina B7; - Unhas postiças, quando a unha é fraca.

Os amigos das unhas são: - Luvas protetoras para o trabalho doméstico; - Base de unhas com substância endurecedora; - Base de unhas com silicone e óleos; - Cremes ceratolíticos; - Alimentação rica em B7.

Nenhum comentário:

Postar um comentário