Sente um incômodo no nariz? Há mais um sintoma de Covid-19

-
Foto: Divulgação

Pesquisadores espanhóis apuraram que 70% dos indivíduos infectados com o novo coronavírus SARS-CoV-2, causador da doença da Covid-19, experienciamsecura nasal previamente a qualquer outro sintoma, avança um artigo publicado no jornal The Sun Online.

Alguns reportaram uma sensação constante de estarem a ser submetidos a uma lavagem nasal – quando um líquido é inserido nas narinas para que o muco seja naturalmente expelido, normalmente para aliviar os sintomas de uma constipação ou após uma cirurgia.

Os especialistas da Universidade de Barcelona afirmaram que este possível indicador do novo coronavírus pode manifestar-se antes da pessoa infectada perder, por exemplo, o olfato e o paladar (anosmia).

O professorJordi Navarra, que liderou a pesquisa, disse em declarações à imprensa que poderão ter descoberto “mais um sinal de alarme da Covid-19 ignorado até ao momento”.

O estudo, que ainda não foi revisto pelos seus pares, avaliou um grupo de 35 pacientes com Covid-19 e “um grupo de controle semelhante em gênero e idade”.

Sendo que os participantes infectadoscom o SARS-CoV-2 reportaram que os seus sintomas nasais surgiram antes, ou simultaneamente a outros sinais da Covid-19.

Tal significa que alguns indivíduosexperimentarama sensação bizarra no nariz antes de qualquer outro dos sintomas característicos da doença – nomeadamente, tosse seca persistente, febre, dores musculares ou anosmia.

Os investigadores utilizaram um “inquérito transversal, retrospectivo”, em que os sintomas foram avaliados com “respostas de ausência/presença”.

De acordo com os dados apurados pela pesquisa, mais de 68% dos pacientes relataram pelo menos um dos sintomas nasais.

Mais precisamente, o grupo com Covid-19 experienciou uma “sensação estranha no nariz” e secura nasal excessiva com maior frequência do que os indivíduos do grupo de controle que não estavam infectados. Entretanto, mais da metade do primeiro grupo mencionou ainda uma sensação constante de lavagem nasal, enquanto 3% do segundo grupo reportou o mesmo sintoma.

Os acadêmicos observaram que os “sintomas nasais ocorriam predominantemente acompanhados de anosmia ou hiposmia”.

Para o professor JordiNavarra é fundamental que sejam realizados estudos de maior dimensão de modo a determinar por quanto tempo as pessoas tenhamestes sintomas atípicos no nariz antes de serem diagnosticadas comCovid-19. O que por sua vez, poderá levar a um diagnóstico precoce da doença. (Notícias ao Minuto)

 

Comentários