São Felipe: Secretaria de Saúde realiza reunião com os comerciantes locais




 A Prefeitura de São Felipe realizou na última quarta-feira (21/07), mais uma reunião entre a Secretaria de Saúde e representantes do comércio de São Felipe. A reunião foi conduzida pelas coordenadoras da Vigilância Sanitária (Cláudia Souza) e Epidemiológica (Emanuelle Lessa).

Na oportunidade estiveram presentes as apoiadoras do Núcleo Regional de Saúde Leste (NRSL) Leila Lemos e Rita Sauer e representantes do legislativo, a vereadora Ana Vitória Silva e o vereador Miranda.

A Equipe da Saúde ouviu atentamente os relatos dos comerciantes e se solidarizou com a categoria. Mas, considerando a permanência do elevado número de pessoas positivas para o novo coronavírus (COVID-19) no município, realizou-se o planejamento conjunto para a manutenção de medidas preventivas e estabelecimento de ações fiscalizadoras mais rígidas para combater o vírus. Além disso, definiu-se que a testagem ampliada (exame RT-PCR para COVID-19) para os comerciantes e seus colaboradores será realizada nos próximos dias 29 e 30/07 (quinta e sexta-feira) na Câmara Municipal de Vereadores e 02/08 (segunda-feira) na Escola Municipal Luís Eduardo Magalhães, das 08:30 às 12 horas, com distribuição de 210 senhas diariamente.



Na reunião, ainda foram apresentados gráficos com os números de casos positivos e óbitos ocorridos em nosso município desde o início da pandemia até os dias atuais, o que vem reforçar o crescente número de contaminados no ano em curso. Na oportunidade também foi apresentado o número de doses aplicadas da vacina contra a COVID-19 no município, com um alcance de primeira dose superior a 50% da população alvo.

Para a secretária de saúde (Carolina Prazeres), este é o momento em que todos devem dar sua parcela de contribuição para combater o vírus: “Sei que é difícil, e entendo os argumentos de quem trabalha no comércio, dos trabalhadores que precisam sustentar suas famílias, mas este é o momento que temos que fazer algum tipo de sacrifício para combater esse vírus. Não basta apenas a prefeitura fazer a sua parte, precisamos que cada cidadão se empenhe nessa luta. Agindo desta forma, tenho certeza que logo reduziremos esses números, o que tem nos intitulado epicentro da COVID-19”.

Fonte: ASCOM

Comentários