Mulher leva mais de 20 pontos no braço após ser agredida com golpes de punhal pelo ex-companheiro no interior da Bahia




 A dona de casa Iolanda Gomes, de 49 anos, levou mais de 20 pontos no braço direito após ser agredida com golpes de punhal. O caso ocorreu no município de Candeal, a 120 km de Salvador. Ela afirma que o crime foi cometido pelo ex-companheiro, Valdoelson Oliveira Silva de 46 anos, que aceitava o fim do relacionamento.

O caso aconteceu no dia 28 de agosto. A vítima conta estava em um bar com familiares, quando foi surpreendida pelo suspeito.

Thank you for watching

“ESTOU ARRASADA, NÃO ESPERAVA CHEGAR A ESSE PONTO. ELE NUNCA TINHA ME AGREDIDO, SÓ FAZIA AMEAÇAS, QUE INFELIZMENTE EU DESACREDITEI”, CONTOU.

A dona de casa relatou que o ex-companheiro deu dois golpes de punhal na direção do pescoço dela, no entanto, o braço direito foi atingido enquanto ela tentava se defender.

“O MÉDICO DISSE QUE EU PODERIA TER O BRAÇO AMPUTADO. MINHA PRESSÃO FOI PARA SETE POR QUATRO. EU FUI PARA A ALA VERMELHA, PERDI MUITO SANGUE. PENSEI QUE NÃO IA ESCAPAR ,DEVIDO AO MEU ESTADO”, DISSE.

De acordo com a delegada substituta da Polícia Civil de Candeal, Ludmila Andrade, o suspeito fugiu após o crime e está foragido.

“Foi uma lesão grave, porque o médico disse que ela pode perder os movimentos da mão, aí pode evoluir para uma lesão gravíssima. A depender das oitivas das demais testemunhas que estão sendo ouvidas, pode ser que vire uma tentativa de homicídio”, explicou a delegada. (G1)

Comentários